BAFTA Awards | Kubo e as Cordas Mágicas leva prêmio de melhor animação

No Oscar você pode até prever que a situação seja o contrário, mas no BAFTA dos quatro indicados a melhor animação, três eram da Walt Disney Company, mas a foi o estúdio Laika que saiu com a estatueta mais prestigiada do evento em termos de animação com o longa Kubo e as Cordas MágicasKubo estava na disputa com Zootopia, Moana e Procurando Dory.

A 70ª entrega do prêmio BAFTA, apresentada pela academia de artes de cinema e televisão, foi ao ar ontem a noite no Royal Albert Hall em Londres. A premiação é considerada o Oscar britânico.

Mesmo não acreditando que tenha a mínima possibilidade de ocorrer o mesmo no Oscar, o BAFTA sempre foi considerado um termômetro para o Oscar. Nos 10 anos que o BAFTA prestigiou alguma animação, ocorreu do mesmo filme ser o escolhido pela acadêmia de artes e ciências nove dessas dez vezes.

E qual foi a vez que houve essa diferença na premiação de melhor animação!? Foi em 2014 quando o prêmio foi dado a Uma Aventura Lego enquanto o Oscar premiou Operação Big Hero (Vale lembrar que  Uma Aventura Lego nem sequer foi indicado ao Oscar naquele ano).

Para registro é a primeira vez também que o BAFTA deu esse prêmio para um longa de animação que não tenha sido feito em CGI/Híbrido de CGI. Na categoria de curta de animação, um recém formado na faculdade Anushka Kishani Naanayakkara venceu inesperadamente com o curta A Love Story:

Confira o Vencedores da Noite:

Melhor Filme

La La Land: Cantando Estações

Melhor Filme Britânico

Eu, Daniel Blake

Melhor Estreia de Roteirista, Diretor ou Produtor Britânico

Babak Anvari (Roteirista/Diretor), Emily Leo, Oliver Roskill, Lucan Toh (Produtores), Sob as Sombras

Melhor Filme de Língua Não Inglesa

O Filho de Saul

Melhor Documentário

A 13ª Emenda

Melhor Animação

Kubo e as Cordas Mágicas

Melhor Diretor

Damien Chazelle, La La Land: Cantando Estações

Melhor Roteiro Original

Kenneth Lonergan, Manchester à Beira-Mar

Melhor Roteiro Adaptado

Luke Davies, Lion: Uma Jornada Para Casa

Melhor Ator

Casey Affleck, Manchester à Beira-Mar

Melhor Atriz

Emma Stone, La La Land: Cantando Estações

Melhor Ator Coadjuvante

Dev Patel, Lion: Uma Jornada Para Casa

Melhor Atriz Coadjuvante

Viola Davis, Um Limite Entre Nós

Melhor Trilha Sonora Original

Justin Hurwitz, La La Land: Cantando Estações

Melhor Fotografia

Linus Sandgren, La La Land: Cantando Estações

Melhor Edição

John Gilbert, Até o Último Homem

Melhor Design de Produção

Stuart Craig e Anna Pinnock, Animais Fantásticos e Onde Habitam

Melhor Design de Figurino

Madeline Fontaine, Jackie 

Melhor Maquiagem e Cabelo

J. Roy Helland e Daniel Phillips, Florence: Quem é Essa Mulher?

Melhor Som

A Chegada

Melhores Efeitos Visuais Especiais

Mogli: O Menino Lobo

Melhor Curta-Metragem Animado Britânico

A Love Story

Melhor Curta-Metragem Britânico

Home

Prêmio EE  Estrela em Ascensão (Votação Pública)

Tom Holland