Cinema

Crítica | Coach Bernie: A Pioneira em Kentucky

Compartilhar

Nancy Stein Winters e Lisa Lax conduziram o documentário da iniciativa Sec Storied baseado na história da treinadora Bernadette Mattox, apelidada de Bernie, que ficou conhecida na University of Kentucky. Coach Bernie: A Pioneira em Kentucky tem todo um peso representativo, por falar sobre uma mulher em função administrativa de destaque em uma das maiores ligas de basquete no mundo.

Bernie tinha um desejo desde muito cedo de se tornar professora. Ao ler que o treinador Rick Pitino queria contratar uma mulher para trabalhar em Kentucky, ela se animou. A ideia era limpar a barra da universidade, que foi bandida de competições da NCAA por irregularidades. Pitino fala muito de como Bernie auxiliava não só no âmbito esportivo, mas educacional.

Kentucky se tornou uma potência, e as publicações da Sports Ilustrated mostram bastante tudo isso, em especial, uma demonstrando a lama que os Wildcats se meteram no passado e o auge com a equação Pitino e Bernie funcionando. Por mais auto-ajuda que o final do especial tenha, é seguro dizer que o papel dela tenha sido fundamental para outras mulheres adentrarem num esporte majoritariamente dominado por homens, inclusive em esferas superiores.

Filipe Pereira

Filipe Augusto Pereira é Jornalista, Escritor, quer salvar o mundo, desde que não demore muito e é apaixonado por Cinema, Literatura, Mulheres Rock and Roll e Psicanalise, não necessariamente nessa ordem.
Veja mais posts do Filipe
Compartilhar