Estreias da Semana – 22 de Junho

O Círculo (The Circle, 2017)
Gênero: Suspense
Direção: James Ponsoldt
Roteiro: James Ponsoldt
Elenco: Emma Watson, Tom Hanks, John Boyega

The Circle é uma das empresas mais poderosas do planeta. Atuando no ramo da Internet, é responsável por conectar os e-mails dos usuários com suas atividades diárias, suas compras e outros detalhes de suas vidas privadas. Ao ser contratada, Mae Holland (Emma Watson) fica muito empolgada com possibilidade de estar perto das pessoas mais poderosas do mundo, mas logo ela percebe que seu papel lá dentro é muito diferente do que imaginava.

Na Vertical (Rester Vertical, 2016)
Gênero: Drama
Direção: Alain Guiraudie
Roteiro: Alain Guiraudie
Elenco: Damien Bonnard, India Hair, Christian Bouillette

Léo (Damien Bonnard) vaga sem rumo pelo interior da França. Um dia, encontra a filha de um pastor de ovelhas, Marie (India Hair), que deseja uma dia deixar a fazenda do pai. Não demora muito até eles se interessem sexualmente um pelo outro. Por mais que esteja sempre com ela, de tempos em tempos Léo realiza misteriosas viagens, dedicadas a escrever um roteiro e também a rondar um jovem que mora por perto.

Ao Cair da Noite (It Comes at Night, 2017)
Gênero: Terror
Direção: Trey Edward Shults
Roteiro: Trey Edward Shults
Elenco: Joel Edgerton, Kelvin Harrison Jr., Carmen Ejogo

Paul (Joel Edgerton) mora com sua esposa e o filho numa casa solitária e misteriosa, mas segura, até que chega uma família desesperada procurando refúgio. Aos poucos a paranóia e desconfiança vão aumentando e Paul vai fazer de tudo para proteger sua família contra algo que vem aterrorizando todos.

Divinas Divas (Divinas Divas, 2016)
Gênero: Documentário
Direção: Leandra Leal
Roteiro: Carol Benjamin, Leandra Leal, Lucas Paraizo e Natara Ney
Elenco: Jane di Castro, Rogéria, Divina Valéria

Rogéria, Valéria, Jane Di Castro, Camille K, Fujika de Holliday, Eloína dos Leopardos, Marquesa e Brigitte de Búzios formaram, na década de 1970, o grupo que testemunhou o auge de uma Cinelândia repleta de cinemas e teatros. O documentário acompanha o reencontro das artistas para a a montagem de um espetáculo, trazendo para a cena as histórias e memórias de uma geração que revolucionou o comportamento sexual e desafiou a moral de uma época.

Frantz (Frantz, 2016)
Gênero: Drama
Direção: François Ozon
Roteiro: François Ozon
Elenco: Pierre Niney, Paula Beer, Ernst Stötzner

Em uma pequena cidade alemã após a Primeira Guerra Mundial, Anna (Paula Beer) chora diariamente no túmulo de seu noivo, morto em uma batalha na França. Um dia, o jovem francês Adrien (Pierre Niney) também coloca flores no túmulo. Sua presença, logo após a derrota alemã, inflama paixões.

Dangal (Dangal, 2016)
Gênero: Ação
Direção: Nitesh Tiwari
Roteiro: Nitesh Tiwari, Piyush Gupta, Shreyas Jain e Nikhil Mehrotra
Elenco: Aamir Khan, Sakshi Tanwar, Fatima Sana Shaikh

Biografia do ex-lutador de wrestling Mahavir Singh Phogat, responsável por passar os ensinamentos às suas suas duas filhas, Babita e Geeta. As duas foram vencedores dos Jogos da Commonwealthy de 2010, e se tornaram as mais proeminentes lutadoras femininas na Índia, ganhando medalhas de prata e ouro, respectivamente.

Mulher do Pai (Mulher do Pai, 2016)
Gênero: Drama
Direção: Cristiane Oliveira
Roteiro: Cristiane Oliveira e Michele Frantz
Elenco: Maria Galant, Marat Descartes, Verónica Perrotta

A adolescente Nalu (Maria Galant) precisa cuidar do pai cego, após a morte da avó que os criou como irmãos. Quando Ruben (Marat Descartes) percebe o amadurecimento da filha, surge uma desconcertante intimidade entre eles. Mas, com a chegada de Rosário, o ciúme ganhará espaço na vida de ambos.

Meus 15 Anos (Meus 15 Anos, 2017)
Gênero: Comédia
Direção: Caroline Fioratti
Roteiro: Luiza Trigo, Clara Deák, Marcelo Andrade, Mirna Nogueira e Caroline Fioratti
Elenco: Larissa Manoela, Rafael Infante, Daniel Botelho

Aos 14 anos de idade, Bia (Larissa Manoela) descobre que vai ganhar uma grande festa de 15 anos. Mas tem um problema: a garota sonhadora e apaixonada por música não tem muitos amigos para convidar ao evento, por ser pouco popular na escola. Ela conta com a ajuda do único grande amigo, Bruno (Daniel Botelho), e do pai Edu (Rafael Infante) para consertar a situação.

Bruxarias (Caroline and the Magic Potion, 2015)
Gênero: Animação
Direção: Virginia Curiá
Roteiro: Anxela Loureiro
Elenco: Kari Lane, Hugh Lehane, Charlie Magdaleno

Malva é uma menina de 10 anos, que leva uma vida tranquila com sua avó e seu bichinho de estimação Lalila, em uma caravana de vendas de produtos medicinais. As fórmulas destes produtos são um segredo ancestral guardado por sua família. O sucesso desperta o interesse de Rufa, o malvado dono de uma fábrica de cosméticos, que decide raptar a vovó da garota para descobrir os ingredientes secretos que ela utiliza em sua produção. Malva, então, se junta à uma confraria de bruxas para salvar sua avó, à medida que vai descobrindo mais sobre a história mágica de seus antepassados.

A Garota Ocidental: Entre o Coração e a Tradição (Noces, 2016)
Gênero: Drama
Direção: Stephan Streker
Roteiro: Stephan Streker
Elenco: Lina El Arabi, Sébastien Houbani, Babak Karimi

Grávida aos 18 anos, Zahira (Lina El Arabi) precisa lidar com a possibilidade de fazer um aborto, escondendo o caso dos pais, ou ter a criança. Tal situação é agravada ainda mais pela devoção religiosa de sua família, que apenas aceita que ela se case com um homem paquistanês. Decidida a escolher ela mesma o rumo de sua vida, Zahira acaba enfrentando sérios problemas.

Tudo é Irrelevante (Tudo é Irrelevante, 2017)
Gênero: Documentário
Direção: Izabel Jaguaribe e Ernesto Baldan
Roteiro: Izabel Jaguaribe e Ernesto Baldan
Elenco: Hélio Jaguaribe, Fernanda Montenegro, Fernando Henrique Cardoso

Retrata a trajetória de vida de Hélio Jaguaribe, um dos maiores cientistas políticos no Brasil, responsável por formular as teorias de um capitalismo autônomo para o país, o nacional-desenvolvimentismo. Um dos nomes que propôs uma integração da América Latina, ele faz parte do grupo que passou a repensar o Brasil desde a década de 1950.

Acompanhe-nos pelo Twitter e Instagram, curta a fanpage Vortex Cultural no Facebook, e participe das discussões no nosso grupo no Facebook.