Oscar 2018 | Academia altera regra de votação para animações

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas anunciou mudanças que afetam a maneira que alguns tipos de filmes são indicados previamente no Oscar, e o mais afetado por essa mudança são de fato os indicados em animação. Nas normas anteriores, cada votante de sua categoria escolhia o seu indicado e depois a academia inteira votava nele (com exceção do indicado a melhor filme onde todos os votantes de todas as categorias votavam no indicado a melhor filme). Isso permitia que experts em cada assunto escolhessem o melhor trabalho e proporcionava as melhores opções entre os selecionados.

Mas segundo a reportagem da Variety, agora o indicado a melhor animação será tratado como se fosse melhor filme, todos os votantes deverão votar em qualquer indicado. Segundo declaração da academia:

“Convites para se juntar aos comitê de indicados serão enviados a todos os membros da academia, diferente de antes que apenas um grupo seleto de pessoas era convidado a votar. Agora votar nas indicações será preferencial ao invés de baseado num sistema de pontuação geral. Membros atuantes do comitê de indicação poderão ver filmes no seu lançamento nos cinemas ou de outra maneira, através de um serviço de streaming oferecido pela academia ou em DVDs/Blurays enviados para avaliação”.

Isso pode trazer uma maior variedade aos escolhidos nas indicações. Apesar de ainda achar que dependendo do ano eles consistentemente conseguem manter uma variedade de animações entre os indicados, como Minha Vida de Abobrinha foi nesse ano, certamente é a indicação que traz visibilidade para algumas produções, mesmo que o problema nunca tenha sido os indicados nesse caso.

De toda forma isso casa perfeitamente com o que foi comentado em recente artigo sobre como a academia votava nos indicados de animação pelo crítico Mario Abbade no Vortcast 45, dá uma conferida lá e entenda mais um pouco sobre tudo isso e um pouco mais.