Vingadores: Ultimato | Comentários sobre o novo Trailer

Finalmente o novo trailer de Vingadores: Ultimato chegou à internet. Após pequenos teasers e um trailer que não forneciam muitas informações e aumentavam ainda mais as expectativas. Esperava-se que o trailer pudesse nos colocar mais a par do que Steve Rogers, Tony Stark, Bruce Banner, Thor, Natasha Romanoff, James Rhodes, Scott Lang, Clint Barton, Rocket, Nebulosa, e agora, Carol Danvers, fariam para derrotar Thanos. Porém, qualquer trecho ou diálogo sobre Ultimato é considerado um spoiler em potencial e o que se viu foi um trailer justo, honesto, tenso, intrigante e que traz diálogos e cenas inéditas, mas que não entrega absolutamente nada, sendo que, no máximo, confirma algumas teorias e levanta outras possibilidades, deixando claro que a surpresa, ficará para a tão aguardada estreia nos cinemas.

Nas linhas abaixo analisaremos o trailer e faremos alguns comentários sobre o que achamos de importante.

O trailer de Vingadores: Ultimato é recheado de cenas em preto e branco (com leves detalhes em vermelho) de flashbacks de seus principais heróis somando com cenas que estão em colorido e que representam a nova aventura. Temos uma narração em off onde Tony Stark (Robert Downey Jr.), aparentemente, está gravando aquela triste mensagem de despedida para Pepper Potts (Gwyneth Paltrow), enquanto a nave dos Guardiões da Galáxia está à deriva no espaço.

Os flashbacks se alternam o tempo todo com cenas do filme e vemos Clint Barton (Jeremy Renner) treinando sua filha com o arco e flecha. Aqui, a julgar pelo corte de cabelo do personagem, é muito possível que seja uma cena minutos antes do estalo de dedos de Thanos, onde existe a possibilidade de que o Gavião Arqueiro tenha perdido toda sua família mostrada em Vingadores: Era de Ultron.

O trailer continua com outra narração em off que parece ser a voz da Nebulosa (Karen Gillan), dizendo que tudo que pode ser feito é dar o melhor que puder e que as vezes o melhor é recomeçar. Difícil crer que essas palavras possam vir da Nebulosa. Imagino que a personagem cresça demais nesse filme e deixe de ser a irritada e acéfala que sempre foi, afinal, ela e Tony tem muito trabalho pela frente. Comentários na internet dizem que a voz possa ser de Peggy Carter.

A voz em off de Thor (Chris Hemsworth) diz que o personagem viu todos morrerem em sua frente e Steve Rogers (Chris Evans) aparece sentado numa mesa com Nat (Scarlett Johansson) dizendo que fala para todas as pessoas superarem o que aconteceu e que algumas até superam mas que eles (os Vingadores), não deviam superar. Aqui, Rogers aparece já sem a barba apresentada em Guerra Infinita e o cabelo de Nat está comprido e ruivo novamente, somente com as pontas loiras. Esses pequenos detalhes sugerem que o filme terá, ao menos, duas épocas temporais: as semanas seguintes ao estalo dos dedos de Thanos e anos à frente. Existe ainda uma possibilidade de uma terceira época temporal, mas que não foi apresentada no trailer e que, portanto, ficará para outro texto. Acredita-se que as semanas pós-estalo servirão apenas para apresentar a Capitã Marvel ao que sobrou da equipe, vide a cena pós-créditos do filme da heroína, e que boa parte do filme se passará alguns anos após os eventos de Guerra Infinita. E talvez, o principal motivo para que isso aconteça seja por causa de Scott Lang, o Homem-Formiga (Paul Rudd).

A próxima e importante cena que está no trailer mostra um Scott Lang atordoado, num bairro residencial (que deve ser onde mora), olhando para um poste recheado de cartazes de pessoas desaparecidas. Obviamente, ele escapou do Reino Quântico e existe uma possibilidade enorme de ele ter tido contato com o que aconteceu somente anos depois do estalar de dedos de Thanos. Das duas uma, ou ele ficou preso por anos no Reino Quântico (o que lhe permite aprender muito sobre o submundo), ou ele acabou viajando sem querer para o futuro, conseguindo escapar de lá numa linha temporal que demorou minutos para ele e anos para a humanidade.

A voz em off de Nat diz que mesmo que a chance seja pequena, os heróis sobreviventes devem tudo àqueles que morreram e aí temos início a algumas cenas de ação, onde vemos Clint Barton trajado como Ronin, Rocky (Bradley Cooper) montado em cima do Máquina de Combate (Don Cheadle), ambos prontos para a briga, Nebulosa enfurecida partindo pra cima de alguém, Capitão América, também enfurecido, cerrando os dentes e afivelando as tiras de couro de seu escudo em seu braço (uma cena linda) e o Homem-Formiga diminuto correndo para lá e para cá desativando algum dispositivo.

Durante esse trecho de ação ouvimos pela voz de Steve Rogers a fala mais dita no trailer: custe o que custar. E ela vem sendo repetida por Nat, Clint e Tony. Imaginamos que essa frase repetida por estas pessoas não estão no trailer por acaso, uma vez que existe a possibilidade de todos eles morrerem, um deles, ou alguns deles. E talvez esse também possa ser o destino da Nebulosa, que com certeza tentará se vingar da morte dos Guardiões da Galáxia e vingar a si mesma após anos sendo torturada por Thanos.

O trailer se encerra com os heróis caminhando pelo hangar da base dos Vingadores para a missão mais importante de suas vidas. Além disso, todos eles estão usando um belo uniforme branco. Importantíssimo perceber que Tony Stark e Nebulosa estão junto deles, confirmando, portanto, que a dupla conseguirá se safar da deriva no espaço.

E ainda temos um trechinho muito bom, onde Thor caminha em direção à Carol Danvers (Brie Larson). Os dois se encaram e o Deus do Trovão ergue seu braço e o Rompe Tormentas vem em sua direção, zunindo pelo ouvido da Capitã Marvel, que nem se mexe. Ela sorri de maneira irônica procurando deixar claro que ela não se assusta com nada e Thor sorri de volta. Imediatamente ele se vira para Nat e diz “gostei dessa aí”. Vale lembrar que essa cena deve acontecer logo no começo do filme, após a chegada de Danvers ao nosso planeta C-53.

Vingadores: Ultimato estreia no Brasil dia 25 de abril.

Facebook – Página e Grupo | Twitter Instagram | Spotify.