The One Percent | Starz descarta série de Alejandro G. Iñárritu

0
227

É difícil acreditar mas estamos falando de um diretor que recentemente é um dos únicos três realizadores na história que receberam um prêmio de melhor diretor no Oscar quase que seguidos um do outro e está encontrando problemas para produzir um projeto. Em 2014 o diretor Alejandro G. Iñárritu quando estava finalizando Birdman e se preparando para a produção de O Regresso, o diretor estava planejando uma série de TV para o canal Starz de 10 episódios chamada The One Percent, que estrelaria Hilary Swank e Ed Helms que contaria a história de uma família problemática do meio oeste, combatendo inúmeras dificuldades para manter sua fazendo de uma ruína financeira para simplesmente encararem uma mudança que alteraria suas vidas para sempre.

O insano calendário de O Regresso interrompeu quase que por completo o projeto de The One Percent e agora segundo reportagens o canal Starz retirou a série de seus futuros projetos, mas a série ainda não morreu. A Midia Rights Capital, que ainda está produzindo a série financeiramente se manteve comprometida a continuar a ideia, enquanto que Helms largou o papel, Greg Kinnear assinou um contrato para substituí-lo ao lado de Swank.

Aparentemente o calendário foi completamente atrasado porque estavam esperando que Iñárritu aplicasse uma filmagem similar a técnica utilizada na decupagem de O Regresso, e além disso os dez episódios da série seriam rodados em sequência. Novamente o diretor iria colaborar como fotografo Emmanuel Lubezki para trazer uma assinatura em particular para a série, que se passaria toda em uma fazenda do meio oeste. Lubezki tem intenção de dirigir o primeiro episódio para dar o tom da série, e ele até trouxe o designer de produção e frequente colaborador de Terrence MalickJack Fisk .

Mesmo com a saída da Starz, a MRC ainda se mantêm no planejamento da série pelos próximos meses, e não me parece muito difícil que Iñárritu consiga logo uma nova emissora para aceitar seu projeto. Talvez seja novamente uma aquisição da Amazon, talvez.