Reviews

Review | Homens? – 1ª Temporada

Compartilhar

Criada por Fábio Porchat, exibida inicialmente no Comedy Central, e posteriormente, pela Amazon Prime Video, a série Homens? mostra Alexandre, um publicitário interpretado pelo fundador do Porta dos Fundos,  um sujeito cheio de dificuldades de relacionamento. O mote dessa primeira temporada mora na dificuldade do protagonista manter uma ereção, inclusive com um ator "interpretando" o seu órgão genital - Rafael Portugal. O programa de oito episódios, tem o objetivo claro de parecer adulto, mas seu humor oscila entre a "quinta série" e boas sacadas.

Alexandre tem um grupo de amigos, cada um com um estereótipo diferente, o sempre desempregado Gustavo (Gabriel Godoy), o workaholic Pedrinho (Raphael Logam) e o cirurgião cadeirante Pedro (Gabriel Louchard). O quarteto é bastante homogêneo e possui uma boa interação entre eles. Outro aspecto positivo é a fluidez presente nas quebras da quarta parede.

O elenco fixo, comandado pelo cineasta Johnny Araújo (Chocante) contém algumas personagens femininas, sendo a maioria baseada em estereótipos. A maior parte das vezes elas estão lá ou como enfeite, ou como elemento disruptivo, e dessas, a que mais tem tempo de tela é a prostituta / conselheira / psicanalista interpretada por Lorena Comparato. Esse conceito, além de batido e clichê – a sabedoria popular vive associando profissional do sexo a uma boa conselheira – iguala o trabalho de uma psicólogo com a ser um bom ouvinte.

Ao menos, boa parte das piadas sexuais são legais, sem soar pudicas ou excessivamente ofensivas. A primeira temporada faz lembrar a premissa do longa E Aí... Comeu?, com um caráter bem menos machista. Suas partes mais inteligentes certamente moram na chacota que se faz com o que é comum no mundo publicitário e com o quão o ser humano é mal resolvido sentimentalmente.

O final de Homens? se dá com um gancho para uma segunda temporada, e por mais que não tenha um texto primoroso, ele não trata o espectador como bobo. Há uma dificuldade de se manter regular, apesar de se notar claramente em seu elenco uma vontade de discutir muitos temas ao mesmo tempo, e infelizmente, isso faz com que o roteiro se perca.

Filipe Pereira

Filipe Augusto Pereira é Jornalista, Escritor, quer salvar o mundo, desde que não demore muito e é apaixonado por Cinema, Literatura, Mulheres Rock and Roll e Psicanalise, não necessariamente nessa ordem.
Veja mais posts do Filipe
Compartilhar