Literatura

[Resenha] Paralela - Lauren Miller

Compartilhar

Paralela - Lauren Miller

Existe aquele apelo irresistível em todas as histórias que envolvem duas possibilidades: o tempo e os rumos diferentes que a vida poderia ter tomado se tivéssemos optado por diferentes caminhos. Em Paralela, esse apelo é levado ainda mais longe porque as decisões que delineiam a história são acontecimentos cotidianos, daqueles que não se espera que definam destinos.

Em um young adult competente, que flerta com a ficção científica se apropriando de termos de física quântica, Lauren Miller prende nossa atenção até a última letra. Em 327 páginas de narração não linear, a história de Abby Barnes conquista o leitor, que percorre as páginas ansioso pelo próximo revés. Um feito e tanto para o primeiro livro da autora.

Abby Barnes está prestes a acabar o colegial e tem seu futuro todo planejado. A faculdade onde vai estudar, o emprego que almeja, nada deixa a cargo do destino, planejando muito bem o seu futuro. Isso não impede que alguns acontecimentos inesperados a coloquem em uma realidade bem distante de seus planos iniciais.  No entanto, um estranho acontecimento dará a Abby a oportunidade de experimentar uma vida que ela não viveu, e ela vai descobrir o que teria acontecido se não fossem alguns desses desvios.

A autora é muito hábil em mesclar o universo adolescente, com seus triângulos amorosos e intrigas de colégio, e o argumento de ficção científica, ainda que não se aprofunde demais nas teorias que explicam o fenômeno de intersecção dos universos paralelos. Vivendo os muitos amores, conquistas e decepções de Abby, somos jogados de um tempo ao outro, vivenciando o sentimento da falta de controle que a protagonista experimenta. O desfecho competente, embora não ofereça todas as respostas, satisfaz. Uma leitura que pretendo repetir em breve.

Compre aqui: Paralela - Lauren Miller

-

Mariana Guarilha é devota de George R. R. Martin, assiste a séries e filmes de maneira ininterrupta e vive entre o subconsciente e o real.

Vortex Cultural

Um autômato a serviço do site... ou não.
Veja mais posts do Vortex
Compartilhar