Resenha | Wayne de Gotham – Tracy Hickman

O Batman é, sem dúvida, um dos maiores heróis já criados. Preferido pela maioria das pessoas, o homem morcego, vivido pelo milionário Bruce Wayne, guarda diversos segredos, muitos deles devidamente apresentados, seja nos quadrinhos, seja nos filmes. Porém, talvez o maior segredo ainda não tinha sido revelado. Até agora.

Coube a um veterano, Tracy Hickman, contar uma história nunca antes contada e para isso, pega como ponto de partida o já batido ”gatilho”, que transforma de uma maneira muito precoce o jovem Bruce Wayne em homem: o assassinato de seus pais.

Talvez, o assassinato de Thomas e Martha Wayne seja a cena mais mostrada e recriada de toda a cultura pop. Além de vermos diversas vezes nos quadrinhos e nas animações, vimos algumas vezes na tela do cinema, como em Batman, Batman Eternamente, Batman Begins, em Batman vs Superman: A Origem da Justiça e no seriado Gotham. Aliás, como um easter egg super secreto, também temos algo sobre isso na abertura de Watchmen, onde, numa capa de jornal, podemos ver que o Coruja consegue impedir o assalto, salvando a família Wayne de seu trágico destino. Porém, impossível não falar da morte dos pais de Bruce quando se trata de Batman. Impossível não falar nesse drástico evento quando se trata de Wayne de Gotham.

Na obra escrita por Hickman, Bruce Wayne, mais detetive do que nunca, está investigando sobre a morte de seus pais, e ao descobrir um diário, viaja de maneira interna para a Gotham do passado, onde um Thomas Wayne, médico recém-formado, se entrelaça de maneira bastante íntima com sua cidade natal. A mudança temporal é algo que acontece o tempo todo e não cansa o leitor.

Um dos destaques do livro é que o autor consegue caminhar abertamente por diversos temas e gêneros, deixando o livro com uma cara de thriller policial de suspense, flertando diversas vezes com o drama, fazendo com que o Batman seja mais detetive do que herói, o que é um sonho para muitos fãs. Além disso, os principais antagonistas, coadjuvantes e parceiros do morcego estão lá. Podemos ver relações estreitas com o Coringa, com Alfred e até com o Comissário Gordon, o que mostra que a relação de Thomas Wayne com a cidade e seus segredos, tem um peso absurdo nas costas de Bruce que vai muito além da “simples” morte de seus pais.

Uma das vantagens do romance é que o leitor, ao acompanhar as linhas escritas, pode usar da sua imaginação, recriando os momentos como se estivesse na sala do cinema, o que é um trunfo, e demonstra também as claras intenções de Hickman em um dia ver sua obra na tela do cinema, seja em filme ou animação, dada a precisão quase cirúrgica das situações, principalmente nos momentos de ação.

Wayne de Gotham é uma grata surpresa e se torna uma leitura obrigatória para os fãs do Batman, mesmo muitas pessoas considerarem a obra como um caça níquel que busca apenas procurar pelo em ovo. Mas na verdade, Gotham tem muito mais mistérios que você imagina. Basta colocar na página 1 para perceber isso.

Compre: Wayne de Gotham – Tracy Hickman.

Facebook – Página e Grupo | Twitter Instagram | Spotify.